"Qual o sentido da vida?" Você provavelmente já deve ter se perguntado isso alguma vez. No entanto, algumas pessoas
acham que essa é uma pergunta sem importância, e saem a viver suas vidas, lutando contra seus desafios como quem abre
caminho entre o mato fechado. Aqui você irá descobrir a importância que tem para as pessoas essa questão, bem como
descobrirá que, para a Psicologia, inclusive, esse assunto poderá ser fundamental.

segunda-feira, 28 de novembro de 2011

A importância de ter um projeto de vida

          O ser humano desenvolveu uma habilidade mais do que todos os outros animais, que é a capacidade de planejamento - entre outras habilidades paralelas - devido principalmente ao desenvolvimento do lobo pré-frontal. É por causa disso que podemos prever as consequências futuras de nossos atos. E é por causa disso que podemos planejar nossas vidas em direção ao porvir e fazer escolhas para que esses planos se tornem realidade.

À esquerda, você pode ver o cérebro humano visto de lado. A parte vermelha é o Lobo Frontal, do qual faz parte o Lobo Pré-frontal, visto melhor em roxo, na figura da direita.
 
           Por que você acha que nós desenvolvemos essa habilidade? Basta olhar para tudo o que a humanidade gerou: um período em que somos dominantes sobre os outros animais. Não quero aqui fazer nenhuma apologia à raça humana. Não discordo de que nossas habilidades mentais tenham também criado a destruição. No entanto, o que quero dizer é que nós temos uma grande arma que os outros animais não têm. E, como toda arma (por exemplo, uma faca), pode ser usada para o bem (preparar um churrasco) ou para o mal (matar alguém).
          Quando você olha para seu cachorro de estimação, talvez pense: "Nossa, os animais sim é que são felizes! Não precisam se preocupar com nada e parecem estar sempre sorrindo." E eu te respondo: sim, eles parecem muito felizes. Mas, ele está preso a você, ele é seu prisioneiro! No tempo dos escravos, as pessoas costumavam pensar que eles não eram "gente" como elas, e também não lhes sentiam pena... Você não sente pena da condição do seu animal, porque, claro, ele não tem um lobo pré-frontal que lhe diga que ele é nada mais do que um escravo. Ele não tem a capacidade de pensar no futuro, de fazer planos. E é por isso mesmo que ele pensa que é o animal mais feliz do mundo quando você lhe coloca um prato de ração na frente.
         Enfim, você tem em suas mãos - ou melhor, em seu cérebro - uma ferramenta de última geração, capaz de lhe fazer um planejamento de ações para que as escolhas que você faça no presente possam lhe resultar nas consequências que você desejou ter. Então, por que não planejar? Se você deseja ser feliz, não espere que a sorte lhe traga resultados, pois isso pode nunca acontecer. E se você já se considera feliz, então use essa ferramenta para que essa felicidade não se acabe.
          E não estamos falando da felicidade como algo único. A felicidade está em um complexo de fatores que lhe fazem feliz. Um homem que seja feliz é feliz por vários motivos. Por exemplo, ele pode ter muito dinheiro, ter uma família com a qual passa momentos agradáveis, ter uma saúde suficientemente boa, ser emocionalmente estável, etc. Ou seja, ninguém é feliz só porque tem muito dinheiro. Pois, se você tiver dinheiro, mas estiver casado com uma mulher que lhe desagrada, e estiver depressivo, e mal de saúde física... Se não fizer bons planos, talvez o dinheiro não lhe faça milagres. Mas, talvez, se essa pessoa, nessa situação, fizer ótimos planos para alcançar a felicidade, talvez possa se livrar desse estado. Talvez se separe, talvez comece a cuidar mais de sua saúde, talvez use o dinheiro para ajudá-lo nessa empreitada. Talvez pague um ótimo psicólogo que o ajude. Assim, provavelmente, conseguirá o que quer.
          Dessa forma, seja quem você for, você precisa ter um plano de vida. Mas também não precisa ser um plano incrivelmente planejado, pois o futuro é imprevisível. Contudo, é bom que você saiba ao menos o que quer e que tenha alguma ideia do que seria necessário para alcançá-lo. Se no futuro as situações mudarem, talvez você também precise mudar, mas você estará sempre no caminho. Ah, e não esqueça... Não faça planos apenas para um futuro muito distante, pois a vida possui um prazo para ser vivida e você quer ser feliz NA vida, e não NO FIM da vida. Então, faça também planos para ser feliz já desde o presente. Talvez você tenha mesmo que engolir alguns sapos pelo caminho para conseguir algo muito bom ali adiante. Mas com certeza não seria bom passar a vida toda engolindo sapos na esperança de alcançar algo ótimo sabe-se lá quando, pois talvez você morra antes e seja lembrado como o cara que passou a vida toda engolindo sapos.
Por fim, deixei esta figura, fotografada e editada por mim, simbolizando essa nossa busca pela felicidade, ou pelos nossos objetivos de vida. "Só o que precisamos fazer é seguir na direção certa".

segunda-feira, 7 de novembro de 2011

Onde está a felicidade?


          Será que sabemos fazer as escolhas certas para se alcançar a felicidade? E o que é essa felicidade que todos falam? Será que é algo a ser alcançável? Ou é somente um modo de viver no agora, como afirmam outros? Desses e de muitos outros assuntos é que pretendo falar neste blog e em meus trabalhos acadêmicos. Por exemplo: no momento, estou fazendo leituras para o meu TCC, o qual terá que ser terminado até o fim do ano que vem. Meu objetivo, nesse trabalho, será o de explorar o que já se falou sobre a felicidade pelos autores clássicos da filosofia e da Psicologia. No momento, estou lendo o livro "Ética a Nicômaco", de Aristóteles, bem como já fiz outras leituras menores e meramente exploratórias. No entanto, sei que ainda há muito trabalho pela frente. Apesar disso, meu prazo nesse tema não se esgotará por ali, pois dedicarei minha vida profissional atrás desse objetivo. Por hoje, todavia, deixo esses poucos pensamentos e uma foto, para que se possa refletir melhor sobre o assunto. Tenham um bom dia!